Estado Flow: Exercendo a nossa imersão no momento presente

Estado Flow: Exercendo a nossa imersão no momento presente

Cuide da sua primeira casa, que é representada pelos seus pensamentos, eles levarão e te ajudarão a viver com mais leveza e encarando os desafios com coragem

Olá, meus queridos criadores! Sou a psicolobia, psicóloga da Privacy e é um imenso prazer estar conectada a você em mais um tema e uma dinâmica para refletirmos juntos.

Sempre falo aqui e sempre falarei: cuide da sua primeira casa, que é representada pelos seus pensamentos, eles levarão e te ajudarão a viver com mais leveza e encarando os desafios com coragem. Enfrentando as coisas tais quais elas são e não como gostaríamos que fosse. Está aí, um pensamento realista para uma vida real, vivida com todos os fenômenos únicos no caminho de cada um.

Hoje vamos juntos conversar sobre isso, sobre realidade, consciência e principalmente o que todos esses conceitos contribuem, que é para o nosso presente, o agora que carrega o passado e o futuro junto com ele. Sim amores, somos feitos de histórias, enredos que cruzam nossa vida o tempo todo.

Tem um autor que gostaria muito de trazer para a nossa conversa, chamado Mihaly Csikszentmihalyi, psicólogo que em 1990 criou uma teoria que vem sendo muito utilizada nos dias de hoje e que se chama “O fluxo”.

O fluxo é um estado de profunda concentração e absorção em uma atividade, onde nós entramos em um estado de engajamento profundo, podemos até perder a noção do tempo. A pesquisa do autor sobre o fluxo explorou como ele contribui para a felicidade e experiências humanas ideais. Realizou extensos estudos e entrevistas com pessoas de diversas esferas da vida para compreender as condições que levam à experiência do fluxo e ele descreve as características do fluxo e sua importância para melhorar o bem-estar e a satisfação pessoal.

Csikszentmihalyi também fez contribuições para o estudo da criatividade, motivação intrínseca e psicologia da felicidade. E o principal de todos os ensinamentos dele é estarmos emergidos no momento presente, em algo que estamos fazendo, dedicados, obcecados pelas tarefas, por menores que elas sejam. E essas pequenas ações e estados de debruçamento nelas irão resultar no nosso bem-estar, na nossa vida e cotidiano.

A teoria do fluxo se concentra em como as pessoas podem atingir um estado de bem-estar máximo e satisfação em suas vidas através do cultivo dessas experiências de fluxo. Então, aqui podemos entender juntos que à medida que vamos nos concentrando em algo que estamos fazendo e concluímos essa tarefa, esse evento de se dedicar e conseguir concluir nos gera um bem-estar danado, mas, ele tende a continuar à medida em que vamos cada vez mais praticando esse exercício de foco, execução e tem como resultado a satisfação.

Todo esse processo vai exigir de nós um equilíbrio entre habilidades e desafios, foco total na tarefa, feedback imediato (você com você mesmo), um senso de controle (para não te tirar do propósito no momento da execução) e clareza das metas.

Falando sobre essa teoria eu consigo enxergar vocês trabalhando, criando conteúdo, programando, respondendo pessoas, fazendo tudo ao mesmo tempo e mesmo assim, sempre escuto que quase não dá para encaixar as coisas, de fato, tem muitos imprevistos e muitos detalhes que acontecem do nada. Mas, aqui vai uma pergunta: Você tem começado e terminado aquilo que se propôs a fazer? Tem evitado que as coisas fiquem pela metade e que faça naquele momento, sem deixar o tédio gritar e fazer com que você deixe para um outro horário?

A teoria do fluxo argumenta que experiências de fluxo têm um impacto positivo significativo no bem-estar e na nossa felicidade. Quando nós experimentamos o fluxo, percebemos níveis mais elevados de satisfação e realização.

Eu sugiro que vocês cultivem o fluxo em suas vidas, escolhendo atividades que correspondam às suas habilidades e desafios pessoais. Isso envolve a busca de atividades que sejam envolventes e significativas. Essa teoria oferece uma estrutura conceitual para entender como as pessoas podem encontrar satisfação e significado em suas atividades diárias, para que tudo fique menos chato e frustrante, entre em um estado de dedicação, com força e todo seu coração.

Mas sempre lembrem que o estado de Flow é também um processo espontâneo e sem esforço consciente. Uma descrição parecida como quando Einstein descreveu o processo de entender e descobrir o processo de relatividade. Precisa de fluidez, uma porta que te leva para outro lugar de órbita, onde só há você e seus pensamentos na execução do seu propósito.

Minha definição de ter sucesso é contribuir com algo para o mundo… e ser feliz fazendo isso… Você tem que gostar do que está fazendo. Você nunca será bom se não gostar do que faz. E em segundo lugar, você tem que sentir que está contribuindo para algo que vale a pena… Se qualquer desses ingredientes estiver faltando, provavelmente tem falta de significado em seu trabalho.

Vou deixar aqui seis modos de como esse estado é atingido:

1 – Completamente envolvido no que se está fazendo: com foco e concentração

2 – Um sentimento de êxtase, de estar fora da realidade do dia a dia

3 – Uma maior claridade interna, sabendo o que deve ser feito e quão bem estamos fazendo o que deve ser feito. Temos feedback imediato

4 – Saber que a atividade é possível, que nossas habilidades são adequadas para a tarefa

5 – Um sentimento de serenidade, sem preocupações e um sentimento de estar crescendo além dos limites do ego

6 – Uma ideia de estar além da dimensão temporal, totalmente focado no momento presente. As horas parecem passar como se fossem minutos

Motivação intrínseca, seja qual for o elemento que produz o Flow é a nossa própria recompensa. Por fim, ao invés de buscar uma explicação esotérica para nossa existência, Mihaly propõe uma explicação subjetiva, pessoal: o significado da vida é qualquer coisa que seja significante para mim.

Espero que tenham gostado do nosso tema de hoje, ele faz muito sentido se conectarmos ele à criação de conteúdo. Ache prazer nas suas obrigações, se encontre dentro delas, essa satisfação te deixará mais leve. Aceite as coisas e aproveite para mudar hoje, no agora e sempre no presente, que é o único momento em que podemos fazer algo.

Com carinho,
Beatriz.

Tags

Últimos Posts